Loja online brasileira vende vinhos raros de até 104 anos de idade!

  • Luiz Cola
  • 27/jul/2013
  • 188 Comentários

Lançada há poucos meses, a Compre Vinhos, já se consolidou como a maior loja de e-commerce de vinhos do Sul do Brasil, oferecendo um portfólio de mais de 400 rótulos de vinhos nacionais e importados, com preços bastante competitivos e que podem chegar aos 85% de desconto sobre o preço médio praticado no varejo.
Além de atender o segmento de vinhos com a melhor relação preço x qualidade do mercado, a Compre Vinhos ousou oferecendo em seu catálogo uma pequena seleção de rótulos raros e prestigiados por colecionadores de todo o mundo, entre eles, duas safras do mítico e longevo vinho de sobremesa Château d’Yquem. Uma delas da magnífica e praticamente perfeita safra 2001 (que mereceu 100 pontos de Robert Parker e da Wine Spectator), mas que precisa de muitos anos de guarda para ser degustada na plenitude; e outra, da longínqua safra de 1909, com nada menos de 104 anos de idade!
Para quem busca grandes tintos, o portfólio dispõe de preciosidades como Château Haut Brion 1961 (safra mitológica em Bordeaux), Romanée Conti La Tâche 1990, Château Mouton-Rothschild 1945, Château Margaux 2000 e o Château Petrus 2006. Vinhos de sonho para qualquer enófilo! Os preços? Bem, isso é melhor você descobrir no próprio site www.comprevinhos.com

Publicidade

188 COMENTÁRIOS

  • Jesus o m - 9 de julho de 2015 às 00:26

    tenho um vinho aqui nnão sei o valor queria uma ajuda “chateau duvalier” safra de 1995 tem algum valor comercial?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 9 de julho de 2015 às 08:40

      Olá Jesus,
      Infelizmente seu vinho não tem valor comercial significativo. O melhor a fazer nesse caso é bebê-lo…
      Abs,
      Luiz Cola

      • Odielson Duarte - 8 de agosto de 2015 às 18:27

        Também tenho um vinho e gostaria de saber seu valor. Andresen Victory Port 1845.

        • Luiz Cola

          Luiz Cola - 8 de agosto de 2015 às 19:14

          Olá Odielson,

          Achei esse vinho à venda em uma loja da Alemanha por aproximadamente 330 euros!
          Segue o link: http://www.vinopedia.com/wine/J.H.+Andresen+Porto+Vintage+1845
          Quer vender?
          Abs,
          Luiz Cola

          • Odielson Duarte - 9 de agosto de 2015 às 12:19

            E
            u gostaria de saber como faço para vendê-lo.

          • Odielson Duarte - 9 de agosto de 2015 às 12:19

            Eu gostaria de saber como faço para vendê-lo.

          • odielson duarte - 11 de agosto de 2015 às 22:08

            eu quero vender o vinho. estás interessado em comprá-lo?

      • SANDRA DA GRACA CARBONI CARBONI - 8 de março de 2017 às 20:33

        se encontra esse vinho Chateau duvalier a venda atualmente?

        • Luiz Cola

          Luiz Cola - 9 de março de 2017 às 08:58

          Olá Sandra,
          Bom dia!
          Creio que a vinícola Aurora não produz mais esse rótulo.
          De qualquer modo, se deseja mesmo uma garrafa dele, procure num site de vendas online como o Mercado Livre ou OLX. Certamente irá encontrar garrafas à venda.
          Abs,
          Luiz Cola

        • Luciano - 15 de julho de 2017 às 10:14

          Eu tenho esse vinho chateau duvalier

    • raquel - 12 de novembro de 2015 às 22:28

      tenho um vinho argentino de mesa tiberio cosecha 1975, preciso saber se tem algum valor comercial
      obg

      • Luiz Cola

        Luiz Cola - 13 de novembro de 2015 às 07:21

        Olá Raquel,
        Não conheço esse seu vinho, mas é bem provável que não tenha mais valor comercial, especialmente se não foi guardado sob condições ideais de temperatura e umidade. Se quiser enviar uma foto do vinho, posso até olhar mais de perto.
        Abs,
        Luiz Cola

    • Ricardo - 21 de fevereiro de 2016 às 14:36

      Boa tarde Jesus! Se Você ainda tem o Chateau Duvalier 1995, tenho interesse em compra-lo.

      • ricardo - 16 de fevereiro de 2017 às 12:01

        ola bom dia
        tinho um vinho château duvalier e nao sei se tem algum valor comercial
        esse e meu numero se vc tiver algum interesse e so entrar em contato
        estarei passando o meu numero de contato (073)3281-7453 ou cel (073)988339358 desde ja agradeço pela atençao

        JOAO RICARDO

        • Luiz Cola

          Luiz Cola - 16 de fevereiro de 2017 às 13:45

          Olá João,
          Lamento, mas seu Château Duvalier não tem valor comercial.
          Se estiver em boas condições de guarda, sugiro que o beba.
          Abs,
          Luiz Cola

  • Odielson Duarte - 9 de agosto de 2015 às 12:22

    tenho outro vinho, mas não consigo saber de que safra ele é. sua marca é kopke 1638 oporto & London

  • Everson dos Santos Freitas - 30 de outubro de 2015 às 20:04

    tenho um costebel vinho rose de mesa 1979 garrafa com cadeado de lacre com um anel circulando em ouro gostaria de saber o valor de mercado, pois tenho junto a ele dois whisky raros com aproximadamente com 50 anos, vou abrir um leilao on-line entou pensando em 300.000,oo pelo trio, bebida para colecionador.

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 2 de novembro de 2015 às 14:50

      Everson, em minha opinião, nenhum vinho rosé antigo valerá grande coisa em termos de degustação e, consequentemente de valor. Quanto aos whiskies não posso dizer muito, mas dificilmente valem o que pretende pedir. Sinto muito…
      Abs,
      Luiz Cola

  • Ricardo A. Neves - 4 de novembro de 2015 às 17:24

    Boa Tarde,
    Possuo alguns exemplares de vinhos e champagne, será que eles possuem algum valor comercial. Sendo:
    01 – Chateau Lafite Rothschild 1985 Puillac 750ml.
    01 – Chablis Premier Cru Les Vaillons 1996. Depaquit 750ml.
    01 – Champagne Louis Roederer Brut Rose Reims 1988 Cristal 750ml.
    01 – Moet Chandon à Epernay Cuvée Dom Perignon Vintage 1990 750ml.
    01 – Champagne Bruno Paillard Brut 1985 Reims 750ml.
    02 – Moet Chandon Brut Rose Imperial 750ml.
    Todos Franceses, e muito bem armazenados.
    Será que alguem se interessaria pelos Produtos?
    Grato pela atenção
    [email protected]

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 4 de novembro de 2015 às 19:50

      Olá Ricardo,
      Se realmente estiveram bem conservados (sob temperatura e umidade controladas) é claro que tem valor comercial.
      Mande-me fotos e o valor pretendido e vejo se posso te ajudar a vendê-los…
      Abs,
      Luiz Cola

    • Jorge - 3 de dezembro de 2015 às 21:34

      Boa noite Ricardo! Tenho interesse sim.
      Aguardo seu contato por email.
      Att

  • Rafael - 28 de novembro de 2015 às 16:15

    Boa tarde,
    Tenho este RESERVA ESPECIAL 2007 – DOURO – CASA FERREIRINHA
    Será que possui algum valor comercial?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 28 de novembro de 2015 às 16:19

      Olá Rafael,
      Ele é um ótimo vinho! Se a garrafa estiver em boas condições, tem valor comercial sim. A importadora Zahil vende esse vinho na faixa dos R$1.100 aqui no Brasil, mas se consideramos o preço na origem, vale uns R$350.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Fillippe - 3 de janeiro de 2016 às 22:12

    Qantos vale um vinho costebel 1977?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 4 de janeiro de 2016 às 08:38

      Caro Filipe,

      Lamento, mas não há nenhum valor intrínseco ao vinho (líquido) em si. Esse rótulo não possui capacidade de guarda comprovada que traga algum valor à ele.
      Nesse caso, valerá algo apenas como valor “sentimental”, por exemplo, alguém que nasceu em 1977 e gostaria de ter um souvenir do ano em que nasceu.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Marlon Tavares Mineiro - 10 de janeiro de 2016 às 16:25

    Olá, Luiz Cola.

    Tenho três garrafas de vinho CHÂTEAU DUVALIER RESERVA ESPECIAL, tem valor comercial?
    Vale ressaltar que faz mais de vinte anos que tenho essas garrafas de vinho.

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 10 de janeiro de 2016 às 20:55

      Olá Marlon, lamento mas suas garrafas de Château Duvalier só tem valor “sentimental”, não são vinhos de guarda que justifiquem algum valor depois de tanto tempo de sua produção.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Marlon Tavares Mineiro - 10 de janeiro de 2016 às 16:29

    Ratificando, as garrafas são vinho tinto e contém 350ml de vinho, cada.

    Agradeço desde já!

  • Marlon Tavares Mineiro - 10 de janeiro de 2016 às 16:44

    Digo, 375(trezentos e setenta e cinco) ml.

  • REGIANI - 27 de janeiro de 2016 às 15:30

    Boa Tarde! tenho 2 garrafa de vinho Château grand nauvo 1982 sabe mim informa se tem algum valor quero vende obrigado.

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 27 de janeiro de 2016 às 18:05

      Olá Regiani,

      Nunca ouvi falar nesse produtor “Grand Nauvo”. Qual a origem dele?
      Abs,
      Luiz Cola

  • Fábio - 8 de fevereiro de 2016 às 06:59

    Olá,tenho algumas garrafas de vinho bem conservadas, em posição horizontal, ao abrigo da luze em temperatura adequada,OBS: uma delas é Almadén riesling 1998,está perfeita ,saberia me dizer seu valor?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 10 de fevereiro de 2016 às 11:17

      Olá Fábio,
      Mesmo bem conservado, esse vinho não foi elaborado para durar tanto tempo. Mesmo que esteja palatável, não tem valor comercial, salvo como um objeto de decoração.
      Minha sugestão é que você o abra e, se ainda estiver bom, beba-o.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Ricardo - 21 de fevereiro de 2016 às 14:37

    Onde posso encontrar vinhos brasileiros de safras antigas para comorar?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 22 de fevereiro de 2016 às 11:36

      Olá Ricardo,
      Como não há um histórico de longa guarda da maioria dos vinhos nacionais, acho bem difícil que você possa encontrar safras antigas em lojas de vinho (talvez algumas do sul do Brasil). Um caminho mais fácil seria tentar nas próprias vinícolas ou através de sites de venda direta como o Mercado Livre (frequentemente aparecem ofertas de vinhos assim por lá).
      Abs,
      Luiz Cola

  • Elias da Silva Rosa - 9 de abril de 2016 às 22:01

    Boa noite tenho um vinho Chateu Duvalier Reserva limitada Saint Emilion Vindima 1986 será que tem algum valor?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 11 de abril de 2016 às 10:04

      Olá Elias,

      Seu Château Duvalier pode até estar palatável ainda (mesmo que isso seja pouco provável se ele não foi adegado corretamente), mas ele não possui valor comercial relevante. Sugiro que o abra com os amigos e descubra se ele sobreviveu ao longo tempo na garrafa.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Thales fontes - 21 de abril de 2016 às 01:15

    Tenho um costebel rose de mesa safra de 1975 com anel de ouro e cadeado em perfeito estado , gostaria de saber o valor comercial

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 21 de abril de 2016 às 10:19

      Caro Thales,
      Eu lamento, mas um rosé como esse não tem valor comercial relevante. É quase certo que sequer esteja palatável. Pelo estado da garrafa, seu valor se restringe como uma lembrança ou objeto decorativo.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Lívia - 22 de abril de 2016 às 11:05

    Olá, tenho um vinho francês chateau beychevelle safra 1984. Gostaria de saber o valor dele. A garrafa de 1,5 l grata

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 22 de abril de 2016 às 19:26

      Olá Lívia,
      O wine-searcher traz um preço referência para essa safra de R$160 (no exterior). A safra 1984 não foi muito boa em Bordeaux, mas uma magnum (em bom estado de conservação) pode valer pelo menos uns 700/800 reais aqui no Brasil.
      Abs,
      Luiz Cola

  • rafael cunha - 29 de abril de 2016 às 14:33

    tenho alguns vinhos valiosos, mas não sei o valor atual. todos comprados diretamente de lojas por mim e estocados em adega.
    1- barca velha 2004
    2 – chateau ducru beaucaillou 2008
    3 – don perignon iris van herpen 2004
    4 – belle epoque 2004
    5- principal grande reserva 2009
    6 – la gran damme 2004
    e muitos outros que não me lembro de cabeça pois estou no trabalho…

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 29 de abril de 2016 às 14:54

      Olá Rafael,
      Você pode pesquisar o preço médio atual desses vinhos no site http://www.wine-searcher.com
      Quanto ao mercado brasileiro, a maioria desses pode ser encontrada, mas talvez não mais nessas safras.
      Se quiser me enviar uma lista mais completa, posso ajudá-lo na avaliação para uma eventual venda.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Junior - 2 de maio de 2016 às 19:52

    Tenho um vinho Barolo 1975 reserva especial italiana.
    Queria saber qnt custa provavelmente

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 3 de maio de 2016 às 08:53

      Olá Junior,
      Para poder te dar uma noção de valor de seu vinho, é preciso ver as condições da garrafa (fotos) e saber qual o produtor.
      Se quiser me enviar, posso te dar uma noção melhor a respeito.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Valéria - 13 de maio de 2016 às 00:08

    Tenho um château haut brion safra 1983. Pode me dizer qual valor de mercado? Obrigada

  • Valéria - 13 de maio de 2016 às 00:10

    Tenho também um bertani 1986.

  • Décimo Hipólito - 31 de maio de 2016 às 21:04

    Boa noite minha sogra me deu um vinho costebel Rose safra 1979 tem algum valor comercial.

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 1 de junho de 2016 às 00:32

      Olá Décimo,
      Lamento, mas esse vinho não tem nenhum valor comercial intrínseco. É bem provável que nem esteja mais em condições de ser bebido.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Eunice Brito - 1 de julho de 2016 às 17:48

    Olá,

    vivo em Portugal e tenho 2 garrafas de vinho antigas:
    uma garrafa de Terrantez de 1842 e uma outra medalha de ouro da exposição Universal de Paris de 1900 (produção de 18…) Infelizmente não há muitos colecionadores de vinho antigo em Portugal. Gostaria de saber a sua opinião quanto ao valor destas duas garrafas.
    O terrantez apresenta um nivel normal (meio do gargalo) a medalha de ouro tem o nivel ligeiramente abaixo do gargalo.

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 3 de julho de 2016 às 14:46

      Olá Eunice,
      O ideal é ver fotos das garrafas. Assim posso checar melhor qual é o produtor e estado geral de cada uma das garrafas.
      Se preferir, pode consultar o site Wine Searcher ou consultar o pessoal da loja Garrafeira Nacional, em Lisboa.
      Abs,
      Luiz Cola

      • Luiz Cola

        Luiz Cola - 3 de julho de 2016 às 15:35

        Olá Eunice,
        Vi as fotos e acho que o Terrantez pode ter algum valor. Quanto ao outro, o nível está baixo demais! Não creio que valha a pena tentar vendê-lo.
        Abs,
        Luiz Cola

        • Eunice Brito - 3 de julho de 2016 às 17:43

          Olá Luiz,
          Obrigada pela informação

          Eunice Brito

  • Maciel - 4 de julho de 2016 às 18:11

    Caro Luiz,

    Estarei providenciando as fotos, e encaminhando, grato.

  • Adriano Gama - 12 de julho de 2016 às 12:05

    Boa tarde, tenho uma garrafa de vinho Chateau Haut-Brion 1995, Cru Classe Des Graves, lacre, rótulo e nível de líquido perfeitos.
    Gostaria de valer o valor comercial e possibilidade de venda.

  • Fernando - 1 de agosto de 2016 às 15:23

    Tenho uma garrafa de vinho branco navarro correas Riesling em 1991 foram feitas 30mil garrafas tem algum valor

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 2 de agosto de 2016 às 09:44

      Olá Fernando,
      Seu vinho não possui nenhum valor comercial expressivo. Por ser um Riesling, pode ser que ainda esteja palatável (se foi bem guardado).
      Sugiro que o abra e faça a experiência!
      Abs,
      Luiz Cola

  • Gaspar - 4 de agosto de 2016 às 19:00

    Olá, o Link não funciona, a loja comprevinhos.com ainda existe?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 5 de agosto de 2016 às 11:15

      Olá André,
      Infelizmente essa loja foi desativada no ano passado.
      Abs,
      Luiz Cola

      • Gaspar - 8 de agosto de 2016 às 00:20

        Uma pena, você indica alguma outra similar? Que possua safras “antigas”. Obrigado.

        • Luiz Cola

          Luiz Cola - 8 de agosto de 2016 às 10:02

          Olá Gaspar,

          Em breve terei um canal próprio para quem deseja encontrar vinhos antigos ou que não estejam mais disponíveis no mercado. Aguarde!
          Enquanto isso, você poderá encontrar alguns vinhos antigos (somente grandes rótulos) no site da Prime Vin: http://www.primevin.com.br.
          Abs,
          Luiz Cola

  • FREITAS - 16 de agosto de 2016 às 03:31

    Ola Luiz, ganhei um vinho chateau D’YQuem 2001, tenho uma adega climatizada, o ideal é armazena-lo na adega, podendo ficar longos anos? Qual a temperatura ideal de armazenamento? Apos abrir essa garrafa, tem como devolve-lo para a adega ou preciso consumir a garrafa de imediato?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 16 de agosto de 2016 às 09:27

      Olá Freitas,
      Bom dia!
      Você tem um “tesouro engarrafado” nas mãos!
      Esse Château d’Yquem 2001 é o ápice em termos de Sauternes, o único problema é que ele necessita de décadas para chegar ao apogeu.
      Sugiro que o guarde na adega e “esqueça” dele até uma ocasião que você considere única e que justifique uma celebração.
      Infelizmente, ao contrário de vinhos fortificados, os Sauternes são vinhos botritizados (passificados pelo fungo botrytis cinerea) e não podem ficar guardados depois de abertos (talvez por uns poucos dias). É como eu disse, espere a ocasião perfeita e beba esse vinho “perfeito” com as pessoas que julgar dignas de apreciá-lo.
      Abs,
      Luiz Cola

      • Deisielle Carolina Teixeira - 13 de setembro de 2016 às 07:47

        Olá Luiz, tenho alguns Vinhos Chateau Duvalier (tinto,rose e branco), que possuem aproximadamente mais de 25 anos. Você sabe me dizer qual o valor em termos comerciais? Desde já agradeço. Att.

        • Luiz Cola

          Luiz Cola - 17 de setembro de 2016 às 15:03

          Olá Deisielle,
          Lamento dizer que esses vinhos são simples e não possuem nenhum valor comercial significativo.
          Abs,
          Luiz Cola

  • Tales - 29 de setembro de 2016 às 20:49

    Boa noite Luis, eu tenho uma garrafa de vinho undurraga de 1985 é uma edição comemorativa de 100 anos de fundação da vinícola. Gostaria de saber se têm valor para algum colecionador?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 30 de setembro de 2016 às 00:05

      Olá Tales,
      É possível que sim, mas não espere nada demais. Pode ser de interesse de algum colecionador, mas nada com valor expressivo.
      Experimente colocar o vinho no Mercado Livre. Acho que uns R$150 seria um bom ponto de partida.
      Abs,
      Luiz Cola

  • manuel louzada dos santos - 17 de outubro de 2016 às 17:31

    Tenho aqui comigo 1 garrafa de vinho do porto fonseca 1996, 1 garrafa de aguardente portuguesa encosta dos mouros com 30 anos, 1 garrafa de aguardente velha balseirinha de 1970, 1 garrafa de licor valdarcos triple-sec com 30 anos, 1 garrafa de 1,50 lt de vinho dona ervideira do alentejo safra de 2004, 1 garrafa aguardente velha marques de marialva
    meu tel e 11 986757047

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 18 de outubro de 2016 às 18:17

      Olá Manuel,
      Lamento, mas eu não compro vinhos!
      Sugiro que tente vendê-los no Mercado Livre…
      Abs,
      Luiz Cola

  • Celia Augusto Souza - 1 de novembro de 2016 às 22:22

    Olá
    Tenho duas garrafas de vinhos
    Uma de 1928 reserva velha e a outra de 1756 ROYAL BRANDE CASA VELHA ALTO DO DOURO avaliar por favor

  • Tiago Perez - 4 de novembro de 2016 às 22:30

    Luiz,

    Primeiramente gostaria de parabeniza-lo pelo blog, acompanho já ha algum tempo.
    Tenho alguns champagnes do tipo vintage como um Dom Perignon 1996 (98 pontos Robert Parker) e 2000 (97 pontos), incluindo o box. Qual o valor comercial deles agora? Esperaria ainda mais para vende-los ou mesmo para consumi-los. Um abraço e novamente parabéns pelo blog!!

    • Tiago Perez - 4 de novembro de 2016 às 22:36

      Desculpe, Dom Perignon 2000 (94 pontos ao invés de 97)

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 6 de novembro de 2016 às 17:11

      Olá Tiago,

      Obrigado! Espero que o blog continue sendo de seu agrado cada vez mais…
      Quanto aos Dom Perignon, os preços desses vintages oscilam entre R$700 e R$1500 no Mercado Livre. Acho que vender a 96 por uns R$1000 e a 2000 por R$800, estaria de bom tamanho.
      Abs,
      Luiz Cola

      • Tiago Perez - 7 de novembro de 2016 às 20:41

        Grato Luiz. Eles estão bem guardados, partindo deste pressuposto, qual seria mais ou menos o ano limite para degusta-los?

        • Luiz Cola

          Luiz Cola - 8 de novembro de 2016 às 08:11

          Olá Tiago,
          Eu diria que uns 15 a 20 anos contados a partir da safra, mas para que gosta de champagnes evoluídos, acrescente mais uns cinco anos.
          Eles até podem durar mais, mas não vão melhorar…
          Abs,
          Luiz Cola

  • Ana Paula Lucas Ferreira - 7 de novembro de 2016 às 18:40

    Olá, Luiz! Meu pai guarda há cerca de 50 anos uma garrafa lacrada, original, de aguardente Macieira, de Portugal. Gostaria de saber se tem algum valor comercial…Obrigada pela ajuda!

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 8 de novembro de 2016 às 08:14

      Olá Ana Paula,
      Não sou um profundo conhecedor de aguardentes, mas em geral elas mais perdem do que ganham com tanto tempo de guarda. O teor alcoólico decresce e não há ganho algum de qualidade. Não faço ideia se sua garrafa tem algum valor intrínseco, salvo como objeto de coleção.
      Abs,
      Luiz Cola

      • Ana Paula Lucas Ferreira - 8 de novembro de 2016 às 14:10

        Muito obrigada pelo seu pronto retorno, Luiz! De qualquer forma examinei melhor o rótulo, o qual foi um pouco deteriorado pelo tempo, e constatei que, na verdade, é um “Fine Real Eau de Vie” (só não pude identificar o teor alcoólico e abreviatura de idade)…Nesse caso, teria valor comercial???

      • Luiz Cola

        Luiz Cola - 9 de novembro de 2016 às 21:06

        Olá Ana Paula,
        Eau de Vie também é um destilado… Infelizmente Não tem um valor comercial significativo.
        Abs,
        Luiz Cola

  • Marcos - 9 de novembro de 2016 às 18:36

    Boa noite
    Ganhei duas garrafasde vinho, se possível poderia me ajudar descobrir valor para venda?
    Obrigado – Marcos

    1-Romanée Saint Vivant 1973
    2-Chateau Martillac 1977

  • Obrigado vou enviarMarcos - 10 de novembro de 2016 às 08:57

    Obrigado, vou enviar fotos

  • Juarez Hilgert - 28 de novembro de 2016 às 16:48

    Boa tarde citarei alguns dos vinhos que tenho guardado e gostaria de saber a sua opinião sobre eles.
    -vinos Santiago, cosecha año 1975. (Chileno)
    -Clos des Nobles, Cabernet Franc 1976
    -Riesling Almaden Cordilheira 1986 e 1987.
    -vinhos alemães como Liebfraumilch, katz wein, entre outros.
    Eram do meu avô, foram concervados em lugar apropriado, ótimo estado de concervação. Existe algum valor comercial? Desde já muito obrigado!

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 28 de novembro de 2016 às 17:15

      Olá Juarez,
      Infelizmente esse vinhos não tem valor comercial relevante. Servem apenas como uma boa recordação para sua família, já que é quase certo que não estejam mais potáveis.
      Abs,
      Luiz Cola

      • Juarez Hilgert - 28 de novembro de 2016 às 21:15

        Tá ok, muito obrigado. Grato!

  • eliane - 8 de dezembro de 2016 às 23:46

    eu tenho um vinho Concha y Toro 1989, um vinho Pescavino italia 1991, um vinho Almadén Riesling 1999, um vinho Amad´n Cordilheira 1995, um licor de caé farroupilha 1995, e outros mais tem algum valor,,

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 9 de dezembro de 2016 às 08:44

      Olá Eliane,
      Bom dia!
      Da lista que você apresentou eu não creio que nada tenha valor comercial significativo.
      Se o Concha y Toro 1989 for um Don Melchor, aí sim é possível ter algum valor, desde que tenha sido bem adegado.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Frederico Silveira - 12 de dezembro de 2016 às 10:45

    Bom dia, tenho uma garrafa de Felipe Rutine 1996, qual seria o valor de mercado dela hoje para uma possível venda? Você acredita que o vinho esteja bom? Um grande abraço e parabéns pelo blog.

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 12 de dezembro de 2016 às 10:59

      Olá Frederico,
      Bom dia!
      Obrigado por apreciar o conteúdo de meu blog sobre vinhos!
      Se sua garrafa de Felipe Rutini estiver bem conservada (preferencialmente numa adega), pode conseguir algo entre 800 e 1000 reais por ela.
      Abs,
      Luiz Cola

  • vilmar pereira vicente - 15 de dezembro de 2016 às 22:07

    ola tenho duas garrafas 750ml cristal louis roederer safra 1983 na geladeira e posivel vender e quanto esta cada, ganhei do dono da sharp a muitos anos.agradeço se puder me ajudar ,obrigado

  • Tiago - 17 de dezembro de 2016 às 11:01

    Boa Tarde,

    Comprei uma garrafa “Palliser Estate noble chardonnay 2000” Gostaria de guardar para abri-lo numa ocasião especial. Tenho risco de perdê-lo pelo tempo de armazenamento? Este é um bom vinho?

    Grato.

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 17 de dezembro de 2016 às 11:50

      Olá Tiago,
      2000? Não espere mais! Esse chardonnay neozelandês já deve ter passado de seu auge, mas se foi bem adegado, pode ainda estar em boas condições. Beba-o já!
      Abs,
      Luiz Cola

  • Tiago - 17 de dezembro de 2016 às 11:54

    Obrigado pela informação, resposta que eu espera, pois jã queria bebe-lo mesmo.

    Grato.

  • Regina Celia Epaminondas - 29 de dezembro de 2016 às 20:39

    ola tenho uma garrafa de um vinho que se chama lagrima christi tem algum valor

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 30 de dezembro de 2016 às 18:28

      Olá Regina,

      Lamento, mas esse vinho italiano é relativamente simples e não possui valor expressivo.
      Abs,
      Luiz Cola

  • José Hernandes - 31 de dezembro de 2016 às 10:29

    Caro Luiz,
    Arrematei num leilão nos EUA, uma garrafa de 15 Litros.
    Pergunto a você, e aos demais leitores: Vocês sabem alguma forma de trazer esta garrafa para o Brasil, ou terei que ir para lá, para bebe-la?
    Desde já, agradeço.

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 31 de dezembro de 2016 às 12:13

      Olá José Hernandes,
      Dois fatores podem te atrapalhar na “nacionalização” dessa garrafa: o valor e o volume.
      Para trazer na mala de viagem, o limite pessoal de isenção é de US$500, mas basta declarar o vinho na receita e pagar a diferença em dólares (se houver…).
      Quanto ao volume, o limite é de 12 litros, mas num caso como o seu, acredito que não vão implicar, especialmente se declarar o vinho.
      Se der tudo certo, me chama para provar esse garrafão, afinal você vai precisar de muita ajuda!
      Abs,
      Luiz Cola

      • José Hernandes - 2 de janeiro de 2017 às 09:03

        Obrigado pela resposta.
        Caso eu a traga para o Brasil, te informarei.
        Abraços,
        José Hernandes

        • Luiz Cola

          Luiz Cola - 2 de janeiro de 2017 às 15:01

          Mas afinal, qual é o vinho, José Hernandes? 🙂
          Abs,
          Luiz Cola

          • José Hernandes - 4 de janeiro de 2017 às 06:42

            Pichon Baron 1995.
            Comprei na K&L Wine, que fica na California.

          • Luiz Cola

            Luiz Cola - 4 de janeiro de 2017 às 09:35

            Wow José Hernandes,
            Essa garrafa vai merecer uma ocasião muito especial!
            Parabéns!
            Abs,
            Luiz Cola

  • José Cerqueira - 18 de janeiro de 2017 às 10:32

    Bom dia Luiz, eu tenho uma garrafa de vinho, Cháteau Mouton Baron Philippe Grand Cru Classé Pauillac Baron Philippe de Rothschild. 1970

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 18 de janeiro de 2017 às 11:43

      Olá José,
      Pela descrição, parece ser um Mouton Cadet feito pela vinícola Baron de Rothschild. Se for esse, não vale grande coisa… Por outro lado, se for um Château Mouton-Rothschild 1970, aí sim terá um bom vinho em mãos (desde que esteja em bom estado de conservação, é claro!).
      Se quiser, mande uma foto para meu email e esclarecemos sua dúvida.
      Abs,
      Luiz Cola

      • José Cerqueira - 18 de janeiro de 2017 às 13:07

        Olá Luiz, já enviei as fotos do vinho. Quanto você paga pelo vinho?

  • Diego vanoni - 9 de fevereiro de 2017 às 20:51

    Boa noite tenho um vinho e nao sei se tem algum valor sabem me dizer? É um vinhedos almaden riesling branco demi seco safra 2000. Podem me ajudar?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 10 de fevereiro de 2017 às 07:55

      Olá Diego,
      Infelizmente seu vinho não possui valor comercial significativo. Por ser um vinho simples, provavelmente nem está mais em condições de ser bebido. Valle apenas como objeto de recordação ou decorativo.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Michell Nascimento - 11 de fevereiro de 2017 às 22:05

    Olá! Tenho uma garrafa de vinho Chátêau Duvalier Rosé com 20 anos ou mais.Gostaria de saber se tem algum valor comercial e se ainda é consumível. Obg

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 11 de fevereiro de 2017 às 22:20

      Olá Michell,
      Infelizmente esse rosé não tem valor comercial significativo. Provavelmente nem está mais apto a ser bebido…
      Abs,
      Luiz Cola

  • Marcelo Cavalli - 7 de março de 2017 às 17:15

    Olá Luiz, tenho um Clarete Ferreirinha da colheita de 1959, algum valor comercial? Fechado, mas apenas metade do líquido permanece dentro. Abç e obrigado pela atenção.

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 7 de março de 2017 às 17:47

      Olá Marcelo,
      Boa tarde!
      Pela sua descrição, boa parte do conteúdo vazou e foi substituído por ar. Nesse caso, o oxigênio transformou o vinho em vinagre… Zero valor comercial. Lamento!
      Abs,
      Luiz Cola

  • Marcelo Cavalli - 8 de março de 2017 às 14:52

    Valu, muito obrigado. Espero que o vinagre seja bom, vamos experimentar na salada, então.
    Abç!

  • Renata A T C - 22 de março de 2017 às 07:56

    Olá bom dia,
    Tenho alguns vinhos antigos e gostaria de comercializa-los, mas gostaria de saber o valor se possível. São eles:
    – Vin de Pays D’oc. Lês Celliers de Beauregand. Chardonnay, 2000.

    – Louis Eschenauer. Sautenernes, 1994.Appellation Sauternes Controle.

    – Chateau Lavergne Dulong. Bordeaux Superieur 2010.

    – Barolo Batasiolo, 2008. D.OCG

    – Chateau Lá Lande Bordeaux, 1990. Appellation Bordeaux Controle.

    – Panilongo Carmenere, 2014. D.O. Colchagua Valley

    – Cotes du Rhone, 1998. Jean Paul Selli. Appellation O. Controle.

    – Chautes Cotes de Beaune. Bourgogne, 2011. Appellation D. Protege.

    – Torred. Grand

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 22 de março de 2017 às 18:16

      Olá Renata,
      A grande maioria dos vinhos listados não possui grande valor comercial, oscilando entre 60 e 180 reais para safras recentes.
      É possível que encontre compradores nessa faixa de preço de venda. Eu destacaria, como curiosidades, o Marquês de Casa Concha 96 e o Torres Sangre de Toro 91.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Renata A T C - 22 de março de 2017 às 08:03

    – Torres. Gran Sangre de Toro.
    Reserva, 1991. P. Denominacion de Origem.

    – Domaine Michel Juillot. Bourgogne. Pinot Noir, 1997. Appellation B.C.

    – Pasquier Desvignes
    Bourgogne. Pinot Noir. 2010. Appellation BC

    – Lindemans. Bin 45. Cabernet Sauvignon, 1996. South Eastern Austrália.

    – Fetzer Vineyards. Valley Oaks. Cabernet Sauvignon, 1997. Califórnia

    – Concha Y Toro. Marques de Casa Concha. Cabernet Sauvignon, 1996.

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 22 de março de 2017 às 18:16

      Respondido no comentário anterior…

      • Renata - 26 de março de 2017 às 03:24

        Olá
        Muito obrigada pela atenção! Neste caso prefiro aprecia-los com a família.
        Abraços
        Renata

  • Sergio - 28 de março de 2017 às 15:57

    O site da loja não funciona!

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 28 de março de 2017 às 18:11

      Olá Sérgio,
      Infelizmente essa loja virtual não está mais em atividade.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Tatyara - 5 de abril de 2017 às 16:37

    O vinho Château Duvalier 1992
    Cabernet France Rosé ,
    Tem algum valor financeiro ?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 5 de abril de 2017 às 21:44

      Olá Tatyara,
      Lamento, mas seu vinho não tem valor relevante. É um rosé simples e que já passou de seu melhor momento de consumo.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Ana santos - 5 de abril de 2017 às 21:00

    Olá tenho um vinho do Porto de 1968 será que tem algum valor comercial ?

  • Mariana Vaz - 7 de abril de 2017 às 10:40

    Olá Luiz,
    tenho um vinho Almaden safra 1986 – Sauvignon Blanc – Palomas .
    Tu poderia me informar o valo comercial para este vinho? Se é que ele possuí.

    Aguardo
    Abraços

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 7 de abril de 2017 às 17:42

      Olá Mariana,
      Lamento dizer, mas um Sauvignon Blanc dessa idade já não está mais palatável.
      Por conta disso, a garrafa não tem nenhum valor comercial, apenas sentimental.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Edd - 28 de abril de 2017 às 16:46

    Bom dia Luiz,

    Tem 2 Bordeaux Chateau Beychevelle Saint Julien
    – 1988
    – 1990
    Qual é o valor comercial por gentileza ?
    Abraços
    Edd

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 28 de abril de 2017 às 17:32

      Olá Edd,
      Não há referência de preço no Brasil para esses vinhos antigos de Bordeaux.
      Uso como base o “average price” do Wine-Searcher acrescentando mais 20% de taxas.
      Desse modo, considero 110 euros para o 88 e 135 para o 90.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Lucia Pasini - 1 de maio de 2017 às 06:52

    Luiz Cola, tenho alguns bons vinhos entre eles tenho um Ott Domaines 1999 que gostaria de saber se trata-se de um vinho de qualidade e se possível quanto custaria hoje. obrigada

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 2 de maio de 2017 às 12:17

      Olá Lúcia,
      Se esse Domaine Ott for o rosé, provavelmente não está mais apto ao consumo. Não tem valor comercial.
      O jeito é abrir e provar…
      Abs.
      Luiz Cola

      • Lucia Pasini - 16 de maio de 2017 às 08:27

        Obrigada Luiz, mas este que tenho é um tinto , importadora Expand, algum valor comercial ? abraço

  • Lucia Pasini - 1 de maio de 2017 às 06:55

    Luiz Cola, eu de novo! Tenho um Beronia Rioja Gran Reserva 1995. Poderia me dizer se este vinho tem algum valor comercial e se tiver quanto custaria hoje? Obrigada

  • Marcelo Rocha - 1 de maio de 2017 às 22:43

    Boa noite tenho 2 Château Angelus grand cru 1988.tem algum valor?

  • Edson ferraz - 2 de maio de 2017 às 23:29

    Olá gostaria de uma ajuda, tenho um vinho Undurraga cabernet Gran vino 1977 , vinho chileno , gostaria de saber o valor para poder efetuar a venda do mesmo .
    Dês de já obrigado

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 3 de maio de 2017 às 09:52

      Olá Edson,
      Bom dia!
      Lamento, mas esse vinho é um vinho bem simples e não tem valor comercial significativo.
      Provavelmente nem está mais apto ao consumo, visto que não foi elaborado para ter uma guarda tão longa.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Inara Mendes - 9 de maio de 2017 às 11:07

    Bom dia Luiz Cola,
    Quando meu pai veio de Portugal em 1959, para viver no Brasil, trouxe uma garrafa de vinho do Porto Borges (Doce – Tinto) safra 1905. Não sei como está o líquido, pois não foi guardado em local adequado. Você saberia informar o valor aproximado?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 9 de maio de 2017 às 11:56

      Olá Inara,
      Mesmo sendo um vinho do Porto, que tem notória capacidade de guarda, considerando as condições de armazenamento que citou, é provável que ele não esteja em boas condições de consumo e, portanto, sem valor comercial.
      Nesse caso, fica valendo apenas o valor sentimental. Sugiro que abra a garrafa e beba um cálice em homenagem a seu pai. Se ainda estiver bom, tanto melhor!
      Abs,
      Luiz Cola

      • Inara Mendes - 9 de maio de 2017 às 15:13

        Obrigada, Luiz Cola. Tudo de bom pra você.

  • Jonas Fonseca de Almeida - 17 de maio de 2017 às 10:47

    Ola! Ganhei um vinho garrafão de vinho se não me engano de 3 litros, do meu falecido padrasto, que ele dizia ser Cardeal 1950 e ele tem tampa de gesso, Gostaria de saber qto custa e se tem alguém que possa se interessar pelo produto. Nunca abri para saber se está bom.

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 17 de maio de 2017 às 12:33

      Olá Jonas,
      Lamento, mas esse tipo de vinho não tem valor comercial, especialmente um com tanta idade.
      Guarde-o apenas como uma relíquia de família…
      Abs,
      Luiz Cola

      • Jonas Fonseca de Almeida - 18 de maio de 2017 às 18:15

        Ok, muito obrigado vou providenciar um bom lugar pra guardar.

  • flavio - 27 de maio de 2017 às 21:10

    senhor luis eu ganhei uma garrafas de champagne e uma de vinho a de champagne e de 1910 mais a de vinho nao tem data e muito velho a origem desta duas foi mim por uma moça que eu fis uma mudança pra ela ea proprietaria faleceu com mais de 100 anos

  • Cicero - 6 de junho de 2017 às 12:37

    tenho uma garrafa de vinho produzido no vale do são Francisco do ano de 1987 o rótulo é cabernet Sauvignon
    seco. queria saber se tem algum valor?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 9 de junho de 2017 às 10:40

      Olá Cícero,
      Não há valor comercial nessa garrafa pelo conteúdo em si, mas isso não impede que ela seja uma bela relíquia de caráter decorativo.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Pierre campana - 11 de junho de 2017 às 14:08

    Tenho 3 garrafas de vinho gold wein 1995 gostaria de saber quak valor pra venda meu whats 4197817364

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 11 de junho de 2017 às 19:25

      Olá Pierre,
      Lamento, mas esses vinhos não tem valor significativo para venda. Sugiro que os beba (mas podem não estar mais palatáveis) ou guarde-os como objetos decorativos.
      Abs,
      Luiz Cola

  • William Salvan - 13 de junho de 2017 às 15:02

    Boa tarde, recentemente ganhei uma garrafa de Miolo, Lote 43, Safra 1999, a primeira da série. Antes de beber resolvi pesquisar antes,mas há pouca informação e a discrepância de valores é alta, você poderia me ajudar por gentileza?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 14 de junho de 2017 às 18:42

      Olá William,
      No site da Miolo você poderá encontrar todas as informações que deseja sobre o Lote 43.
      Abs,
      Luiz Cola

      • William Salvan - 15 de junho de 2017 às 11:03

        Sim, eu pesquisei no site da Miolo, mandei um e-mail, solicitei informações sobre indicações de possíveis compradores e não obtive resposta.
        Estava pensando em colocar em um leilão, mas não sei de que forma precificar.
        Grato mais uma vez.

  • everaldo - 16 de junho de 2017 às 22:11

    Ola boa Noite ,tenho um vinho que ganhei dos meu tio ,(1973 Vina Undurraga chile Cabernet (Gran Vino) gostaria de saber se este vinho tem valor comercial ?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 19 de junho de 2017 às 18:58

      Everaldo,
      É um vinho simples. Abra e veja se ainda está bom. Não dá para fazer dinheiro com ele.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Maria waduge - 17 de junho de 2017 às 10:20

    Ola tenho ums vinhos e gostaria de saber o valor comercial.
    1)chateau larose-trintaudon haut -medoc
    De 1994 francês.
    2)barolo 1982 Itália
    3)Robertson’s pyramid port 1987( potugual)
    4)chateau lynch bages 1992( França)
    5)alberdeen-angus centenario 1989 Argentina
    Por favor vc avalia para mim? Obg

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 19 de junho de 2017 às 19:04

      Olá Maria,
      As coisas não são tão simples assim. De sua lista, o Barolo pode valer algo (mas qual é o produtor?). O Lynch Bages, apesar de ser de uma safra ruim, pode ter algum valor também. O mesmo vale para o Porto 87.
      O mais importante é saber o estado de conservação e o modo como ficaram guardados desde que foram adquiridos. Fora de adega climatizada, a vida desses vinhos é curta!
      Abs,
      Luiz Cola

  • juliana oliveira - 17 de junho de 2017 às 16:15

    boa tarde tenho um vinhos ma não sei se ele tem algum valor comercial.
    marques de monistrol semillon blanc de blanc 1882 se eu nao me engano

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 19 de junho de 2017 às 18:57

      Olá Juliana,
      Esse vinho espanhol elaborado com semillon não é de 1882. Deve ser alguma data comemorativa ou de fundação da vinícola.
      Enfim, é um vinho simples, sem valor comercial expressivo. Sugiro que o abra e o aprecie. É o melhor valor que ele pode lhe oferecer.
      Abs,
      Luiz Cola

  • NELSON FOLINO PROENCA - 22 de junho de 2017 às 03:52

    Olá, tenho uma garrafa de moet et chandon a epernay champagne cuvee dom perignon vintage 1988 e gostaria de vender. meu whatsapp é (11)9.9383.3383. Obrigado!

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 2 de julho de 2017 às 19:12

      Olá Nélson,
      O preço médio de seu Dom Pérignon 1988 é de 300 euros, segundo o Wine Searcher.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Stenio - 26 de junho de 2017 às 13:30

    Bom dia! Tenho um vinho Clos des nobles engarrafado em 1979 vinho tinto de mesa tem algum valor?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 30 de junho de 2017 às 16:29

      Olá Stênio,
      Esse vinho não tem valor comercial relevante. É um rótulo simples que hoje tem valor apenas decorativo ou pessoal.
      Abs,
      Luiz Cola

  • liana - 26 de junho de 2017 às 18:20

    Ola tenho uma garrafa de champanhe de Louise 1989 pode me dizer quanto vale obg

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 30 de junho de 2017 às 16:27

      Olá Liana,
      No Brasil não teremos uma referência, mas no mercado externo ele vale cerca de 110 dólares.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Luciano - 27 de junho de 2017 às 14:09

    Luiz, tudo bem?

    O site http://www.comprevinhos.com não existe mais. Você conhece algum outro site, adega ou importador no Brasil que venda vinhos de safras antigas? Obrigado!

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 30 de junho de 2017 às 11:25

      Olá Luciano,
      Muito em breve vai entrar no ar o site http://www.comprowine.com.br, especializado na venda de vinhos novos e antigos de diversos fornecedores. Fique de olho no blog, pois assim que ele estiver ativo, vou divulgar aqui.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Felipe - 30 de junho de 2017 às 20:25

    Olá Luiz tenho uma garrafa aqui de barolo riserva freciale 1975.
    Não acho nenhuma referencia sobre esta garrafa.

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 2 de julho de 2017 às 16:01

      Olá Felipe,
      Respondi sua dúvida pelo email que me enviou…
      Abs,
      Luiz Cola

  • Joaquim Carlos - 3 de julho de 2017 às 17:08

    Boa tarde.
    tenho uma garrafa de grandjo Royal Demi- Sec White1985, tem algum valor?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 3 de julho de 2017 às 18:23

      Olá Joaquim,
      Esse Grandjó é um vinho barato e bem simples, sem grande valor comercial.
      Sugiro que o abra acompanhado de um bolo ou alguma torta pouco doce e o aprecie.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Carlos Jacinto - 16 de julho de 2017 às 02:25

    Tenho uma Garrafa de Vinho Tinto, Chateau Haut Manoir, Pomerol de 1992, Sabem-me dizer se tem cotação? se tem quanto vale? tem alguma coisa a ver com o Petrus Pomerol de 1992?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 16 de julho de 2017 às 09:33

      Olá Carlos Jacinto,
      A única semelhança do Haut-Manoir com o Petrus é a origem (Pomerol), mas a qualidade e os preços são bem diferentes. No caso, seu 1992 vale uns 30 euros, no máximo!
      Abs,
      Luiz Cola

  • SIDNEY - 18 de julho de 2017 às 21:49

    Caro Luiz, primeiro cumprimento-o por seu conhecimento sobre vinhos revelado nas respostas dadas às perguntas que lhe foram feitas pelo pessoal. Parabéns.
    Bom, tenho duas garrafas do vinho tinto seco Grand Philippe, da Chandon, safra 1997. Um é o vinho normal, exclusivamente da uva Cabernet Sauvignon e o outro é um Reserva partido 13% Merlot e 87% Cabernet Sauvignon. Como não os bebi quando comprei e conquanto me acompanhem há cerca de 18 anos, hoje eles me deixam intrigado com a cerimônia que estou fazendo para bebê-los. Por isso lhe peço que me fale da qualidade e do valor comercial desses dois vinhos. Obrigado. Abraços.

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 19 de julho de 2017 às 09:34

      Olá Sidney,
      Obrigado!
      Quanto aos vinhos mencionados, o grande valor deles é a história que carregam junto à você!
      Por serem vinhos sem histórico de longa guarda ou de uma origem muito valorizada, não dá para esperar que tenham algum valor comercial significativo.
      Por outro lado, 1997 foi uma boa safra no sul do Brasil e a Chandon, mesmo focada em espumantes, produziu vinhos muito bem feitos nesse período.
      Sugiro que aproveite o clima frio e abra seus vinhos ao lado de seus melhores amigos.
      Coloque as garrafas de pé uns dois dias antes para decantar os prováveis sedimentos e deguste-os sem pressa. Isso não tem preço!
      Abs,
      Luiz Cola

      • SIDNEY - 19 de julho de 2017 às 14:09

        Brindemos, pois, à sua maestria! tim tim.

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO