Os 10 Champagnes mais caros do mundo segundo o site de buscas Wine Searcher!

  • Luiz Cola
  • 06/mar/2014
  • 41 Comentários

Champagne é Champagne, o resto é espumante diriam os mais elitistas…
A verdade é que por mais que a qualidade dos demais espumantes mundo afora não pare de crescer, o fascínio pelo Champagne continua intacto entre os ricos e famosos em todas as regiões do planeta. 
Para efeito deste levantamento realizado pela The Drinks Business, as garrafas de formatos especiais que vão desde o tamanho Magnum (1,5 litros) até o Midas (30 litros) e que podem custar verdadeiras fortunas, foram desconsideradas. A pesquisa feita com base nos dados do site Wine Searcher considera apenas o preço médio de garrafas padrão (750 ml) vendidas no mercado regular, desconsiderando também garrafas vendidas em leilão.
Se você deseja beber um Champagne realmente cobiçado e valorizado, conheça os 10 rótulos de Champagne mais caros disponíveis no mercado (Preços em libras esterlinas. Multiplique por 4 para ter uma referência dos preços em reais, no exterior, é claro!):
10º – Moët & Chandon Cuvée Bi Centenary Cuvée Dry Imperial 1943 – £ 832
A Moët & Chandon foi fundada em 1743 por Claude Moët e hoje possui mais de 1.000 hectares de vinhedos onde produz cerca de 26 milhões de garrafas de champanhe por ano. Ela detém uma autorização real para fornecer champanhe para a rainha Elizabeth II da Inglaterra. Como seria de se imaginar, esta Cuvée de 1943 foi lançada para comemorar o 200º aniversário da Maison de Champagne.
9º – Krug Brut David Sugar Engraved ‘Quail Design in Flowering Tree’ – £1.080
Esta edição limitada de Krug Brut possui o desenho de uma codorna sentada numa árvore florida aparece em nono lugar na lista.
8º – Moet & Chandon Dom Perignon by Karl Lagerfeld – £1.169
Esta edição especial de Dom Perignon foi produzida pela Moët Chandon e lançada em 1998 com design do estilista alemão Karl Lagerfeld. Ele atualmente é o designer-chefe e diretor criativo da grife francesa Chanel, da italiana Fendi e de sua própria marca.
7º – Krug Private Cuvée – £1.189
A Krug foi fundada por Joseph Krug em 1843 e está baseada principalmente em Reims. Hoje a maison faz parte do conglomerado multinacional LVMH (Louis Vuitton Moet Hennessy), cujo portfólio inclui também a Moët & Chandon, a Veuve Clicquot, o Château d’Yquem e a Ruinart.
6º – Boërl & Kroff Brut Rose – £1.314
A marca Boërl & Kroff é uma criação da maison Drappier. Em 1995, Michel Drappier decidiu vinificar separadamente as melhores bagas de um acre de suas vinhas e designá-los exclusivamente para a elaboração desta nova marca.
5º – Moët & Chandon Dom Perignon White Gold – £1.475
Esta edição especial de Dom Perignon vem envolta por uma caixa banhada em ouro branco e gravada com o rótulo da Dom Perignon, tornando-se um item muito procurado pelos colecionadores.
4º – Boërl & Kroff Brut – £1.488
Mais um Boërl & Kroff aparece nesse Top 10 em sua versão Brut NV. Para aqueles que realmente estejam com vontade de esbanjar dinheiro, uma garrafa Midas de 30 litros deste Champagne está disponível atualmente por £71.856.
3º – Krug Clos d’Ambonnay – £ 1.615
O único Champagne Blanc de Noirs da lista, o Krug Clos d’Ambonnay é feito 100% com uvas Pinor Noir.
2º – Moet & Chandon Dom Perignon Charles & Diana 1961 – £ 2.576
Em 1981, o Dom Pérignon foi escolhido como o Champagne oficial para o casamento de Lady Diana Spencer e príncipe Charles. Magnuns de Dom Pérignon Vintage 1961, o ano que Diana nasceu, foram servidos no dia, ostentando uma insígnia especial criada apenas para a cerimônia. Tempos depois, um número limitado de garrafas normais desse Champagne foram liberadas para comemorar a ocasião, atualmente vendidas por um preço médio de £ 2.576.
1º – Goût de Diamants, Taste of Diamonds – £1,2 milhões
A Taste of Diamonds foi lançada em 2013 mas não aparece cotada no Wine Searcher. Apesar disso, uma dessas garrafas de edição limitada e desenhada por Alexander Amosu foi vendida por £1,2 milhões, tornando-se a mais cara garrafa de champanhe do mundo. Cada garrafa deste champagne é adornada com um gigantesco cristal Swarovski especial dentro de um emblema de estanho em forma de diamante, lembrando bastante o símbolo do Superman.

Publicidade

41 COMENTÁRIOS

  • Adriana lima - 6 de julho de 2015 às 05:43

    Adorei isso é glamor e moderialidade fico imaginando bebendo uma taça desse ultimo champanhe chiquerrimo

    • Adriana lima - 6 de julho de 2015 às 05:45

      Beba com moderação pra não dirigir com tantos drinks de Chandon rsrs

  • marialva - 2 de novembro de 2015 às 08:36

    Eu queria saber se o Campanhe envelhece e estraga, tenho uma garrafas há mais de 30anos?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 2 de novembro de 2015 às 14:47

      Cara Marialva,
      Se forem grandes champagnes do tipo Vintage (safrados) e mantidos sob condições ideais de temperatura e umidade, existe uma pequena chance de estarem ainda aptos ao consumo. Caso contrário, serão apenas um belo vinage ou objeto de decoração.
      Abs.
      Luiz Cola

    • eugenio - 2 de junho de 2016 às 16:59

      marialva quem envelhece samos nos….kkkk

  • Valdemar - 2 de fevereiro de 2016 às 11:57

    Muito bom comentários sobre champagnes. Eu gostaria de saber onde posso encontrar aqui em Santa Catarina o vinho alma negra safra secreta e gostaria do seu comentário sobre esse vinho obrigado

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 2 de fevereiro de 2016 às 13:17

      Olá Valdemar,
      O Alma Negra é produzido pela Tikal (importado pela Mistral). Acesse o site deles (https://www.mistral.com.br) e veja a melhor forma de adquirir.
      Confesso que esse rótulo da Tikal eu nunca provei, mas o produtor faz vinhos excelentes como o Patriota e o Amorio.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Sueli Laxy Alonso - 29 de junho de 2016 às 11:18

    Ganhei de um médico quando ainda trabalhava, uma Veuve Clicquot Ponsardin em 1995, e gostaria de vendê-la precisaria avaliar, o rótulo não tem data de fabricação, posso mandar a foto se o senhor quiser, por favor me ajude

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 29 de junho de 2016 às 11:39

      Olá Sueli,
      Ao que parece, sua Veuve Clicquot é a versão “Yellow Label” e não é apta a longa guarda. Pelo tempo transcorrido, pode ser que ela tenha perdido o gás e/ou a qualidade gustativa.
      A princípio, não tem mais nenhum valor comercial. Sugiro que a abra e prove. Caso esteja palatável, aprecie-a com amigos e familiares.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Diego marcon - 8 de fevereiro de 2017 às 14:13

    Tenho 2 champagnes don Perignon vintage1990.a venda algum interesse entrar em contato comigo (67)996606064.

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 8 de fevereiro de 2017 às 14:49

      Olá Diego,
      Quanto quer por eles? Se souber de algum interessado entre meus amigos, eu entro em contato.
      Abs,
      Luiz Cola

      • Diego marcon - 10 de fevereiro de 2017 às 08:26

        Bom dia senhor Luiz, não entendo bem e tô por fora de preço. Senhor poderia me ajudar?

      • Tiago - 29 de abril de 2018 às 11:24

        grande annee 1990 bollinger champagne
        Tenho uma para vender

  • Diego marcon - 10 de fevereiro de 2017 às 18:32

    Como faço para avaliar???

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 10 de fevereiro de 2017 às 21:27

      Qual o vinho em questão, Diego?
      Abs,
      Luiz Cola

  • Diego marcon - 12 de fevereiro de 2017 às 12:44

    Como disse não entendo muito mas o que está escrito moet ET Chandon à epernay fondée en 1743 Brut. O que está escrito.

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 12 de fevereiro de 2017 às 17:49

      Diego,
      Esse é o champagne base da Moet et Chandon. Uma garrafa nova custa no mercado uns R$300.
      Se sua garrafa for muito antiga e tiver sido guardada sem a devida climatização, pode nem estar mais apta a ser consumida.
      Abs,
      Luiz Cola

  • Olga Maria da Costa Carvalho - 13 de abril de 2017 às 11:56

    Sr.Luiz Cola onde a posso vender sabe algum sitio obrigado olga

  • Evanice vieira de melo - 1 de junho de 2017 às 00:21

    Ola sou uma mera apreciadora de vinho e gostaria de mais informaçao sobre o vinho verde qual uva e mais usada seu tempo de evelhecimento e sua harmonizaçao

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 1 de junho de 2017 às 09:00

      Olá Evanice,
      Os melhores vinhos verdes costumam ser produzidos a partir da casta Alvarinho, mas Loureiro e Avesso também fazem ótimos vinhos verdes “brancos”. Entre os vinhos verdes “tintos”, a casta Vinhão costuma fazer os melhores.
      Como você parece ter interesse especial na região, sugiro acessar a página oficial dos Vinhos Verdes e buscar os pormenores que deseja saber sobre ela: http://www.vinhoverde.com/pt/homepage
      Abs,
      Luiz Cola

  • Evanice vieira de melo - 1 de junho de 2017 às 00:25

    Fiz um curso de sommelier e pretendo me aperfeicoar mais ainda me der umas dica de otimo livro obrigado

  • Jackson - 10 de junho de 2017 às 20:46

    Eu ganhei um dom perignon vintage 1999 ! Gostaria de saber quanto custa ? E qual a melhor forma de armazenar , pois alguns lugares falam que é bom igual ao vinho e outros falam para manter a garrafa na vertical . Abraço meu amigo e como sempre o blog tá top .

  • Iara Reis - 23 de outubro de 2017 às 09:17

    nao consigo te acompanhar! Como faço ?
    Tudo q dígito a resposta é que eu já disse isto antes !

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 23 de outubro de 2017 às 09:55

      Olá Iara,
      Pode escrever seus comentários ou perguntas através dessa página de comentários ou manda para meu email http://[email protected]
      Outra maneira de seguir tudo que publico é pelas mídias sociais: facebook (vinhos e vinhos), instagram (@luizcola) ou twitter (@luizcola)
      Abs,
      Luiz Cola

  • Paulo Roberto - 14 de dezembro de 2017 às 15:32

    Tenho uma garrafa de brut M.Chandon e gostaria de saber o ano de fabricação. Não consigo informações sobre ela nem na internet. O rótulo é muito antigo. O registro é 7713/75. Alguém me ajuda?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 14 de dezembro de 2017 às 17:44

      Olá Paulo Roberto,
      Se sua garrafa de champagne não é millesimé (com a safra especificada), ela é uma NV (Non Vintage) e é produzida com uma mescla de vinhos base de várias safras.
      Pode ser que o contra-rótulo ou a rolha tenham a indicação do ano em que foi lançada no mercado, mas isso não é muito relevante para esse tipo de champagne.
      De qualquer modo, se desejar, pode enviar algumas fotos dos rótulos (frente e verso) e do gargalo. Pode haver alguma indicação sobre essa questão.
      Envie para o email [email protected]
      Abs,
      Luiz Cola

  • Ju - 14 de dezembro de 2017 às 21:28

    Boa noite!Onde Encontro Champagne francesa na Av Paulista ou nas proximidades?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 15 de dezembro de 2017 às 10:02

      Olá Juciana,
      Acho que os locais mais próximos da Av. Paulista para você comprar Champagne são a Venews (Brigadeiro Luís Antônio), Vinci (Pamplona) e Grand Cru (Bela Cintra).
      Abs,
      Luiz Cola

  • Rosangela lima - 30 de dezembro de 2017 às 21:17

    Ja q nao tenho condicoes de comprar uma garrafa do ultimo champagne. me contentaria com uma taca cheia desse champagne gout diamont.

  • jailson - 1 de março de 2018 às 04:42

    preciso comprar aproximadamente 150 garrafas de espumantes para o meu casamento, claro que não tenho pretensão alguma de servir um desses espumantes citados mas gostaria de indicações de qual espumante servir visto que a grande parte do convidas não tem um paladar aguçado para tal bebida. Entretanto, gostaria de servir o melhor custo beneficio, consegue me sugerir algo?

  • Victor Simões - 3 de julho de 2018 às 11:13

    Bom dia Luiz, tenho uma garrafa de veuve clicquot bicentenario 1792-1972 está na caixa e em perfeito estado de preservação. Mas foi armazenada em um armário na horizontal. Gostaria de saber se tem alguma chance de estar boa para co sumo ainda. E se fosse vender qual o preco estimado para ela. Obrigado!

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 3 de julho de 2018 às 11:58

      Olá Victor,
      Seria necessário ver fotos da garrafa para ter uma noção melhor.
      O fato de ter permanecido num armário, e na horizontal, não ajuda muito no caso de um champagne.
      Envie imagens para meu email [email protected]
      Abs,
      Luiz Cola

      • Victor Simões - 3 de julho de 2018 às 22:44

        Ok! Enviei no seu e-mail! Obrigado!

        • Luiz Cola

          Luiz Cola - 5 de julho de 2018 às 10:54

          Olá Victor,
          Olhei as imagens, mas essa garrafa é de um champagne “normal”.
          A garrafa veio com essa menção apenas em comemoração ao fato.
          O champagne dentre dela não tem nenhuma diferença das versões de entrada da Veuve Clicquot.
          Se estiver potável ainda, tem um preço máximo de uma garrafa jovem do mesmo champagne.
          Abs,
          Luiz Cola

          • Victor Simões - 5 de julho de 2018 às 13:46

            Obrigado pelo seu tempo! Abraço!

  • Clayton - 8 de agosto de 2018 às 19:08

    Tenho uma champanhe Krug q está na família a uns 25 anos. Não consigo identificar a safra, pois não consta no rótulo. Como posso identificar?

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 8 de agosto de 2018 às 19:44

      Clayton,
      Se for a Krug Grande Cuvée, ela não vai indicar a safra, apenas a “edition”. A atual, lançada ano passado, é a 166ª edição.
      Desse modo, pode estimar a sua a partir desses dados.
      Abs,
      Luiz Cola

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO