Comprowine: lançado um inédito marketplace para comprar e vender vinhos!

  • Luiz Cola
  • 25/ago/2017
  • 3 Comentários

Depois de um longo tempo dedicado à concepção, pesquisa e desenvolvimento da plataforma, acaba de ser lançado na internet um novo canal para quem deseja comprar (e também vender) vinhos online: a Comprowine!

Concebido como um marketplace especializado na compra e venda de vinhos, a Comprowine se propõe a oferecer aos seus usuários um ambiente de negócios onde enófilos, apreciadores e demais pessoas que desejem adquirir vinhos, possam encontrar garrafas de todas as origens e categorias de preço, desde os mais básicos, até os mais raros e caros, que são praticamente impossíveis de serem encontrados no mercado regular das lojas e importadoras brasileiras.

O grande diferencial da Comprowine é que ele é construído a partir dos vinhos que sua comunidade de usuários insira para venda ou que deseje comprar de modo simples e direto. A plataforma pretende ser muito mais do que apenas um espaço de conexão entre compradores e vendedores de vinho, mas também uma ferramenta de auxílio na determinação dos preços de venda, na busca por um determinado rótulo (ou safra) e na oferta de um portfólio bastante variado e recheado com o que há de melhor no segmento.

Outra vertente interessante da plataforma é possibilidade do usuário ter uma espécie de “conta corrente”, adquirindo vinhos que sejam de seu interesse, utilizando os créditos obtidos com suas eventuais vendas. Quem nunca se deparou com garrafas em excesso de algum rótulo e não desejou trocá-las por outras diferentes? Eis uma boa oportunidade de vender aqueles que não deseja mais beber e buscar outros que não teve chance de comprar antes.

Apesar da permuta direta entre vinhos não ser possível através do site, qualquer garrafa vendida na Comprowine pode viabilizar a aquisição de outro rótulo disponível em seu portfólio. Como não há custos para fazer o cadastro de quaisquer vinhos, essa pode ser uma boa estratégia para quem precisa se capitalizar antes de adquirir novas garrafas (ou simplesmente quer fazer algum dinheiro).

Clos Erasmus 2004

No momento da elaboração desse post, já haviam quase 800 rótulos à disposição dos usuários, desde vinhos bem antigos como um Vinho do Porto de 1871 até as safras mais recentes. Em termos de preços, há vinhos que partem dos R$85 (Château Lacave 2004) até um de R$9.850 (Petrus 2004). Entre os grandes rótulos já colocados à venda, estão diversos châteaux de Bordeaux, inclusive os cinco Premier Cru Classé (Lafite, Latour, Mouton, Margaux e Haut-Brion), Borgonhas de produtores renomados, Supertoscanos, grandes tintos ibéricos como o Barca Velha, o Vega Sicília e o raro e disputado Clos Erasmus 2004 (foto acima), uma joia da região do Priorato, que já recebeu 100 pontos de Robert Parker em duas ocasiões (inclusive nessa safra).

Acesse www.comprowine.com.br e descubra se aquele rótulo especial que você tanto procurava está disponível por lá…

Publicidade

3 COMENTÁRIOS

  • Marcus Leal - 24 de novembro de 2017 às 11:31

    Oi Luiz.
    No recém-lançado “comprowine”, há, sem dúvidas, uma respeitável seleção de rótulos, alguns com preços até convidativos, em razão de sua raridade.
    A maior parte das garrafas mais interessantes são, curiosamente, do acervo de um único vendedor.
    Embora confesse estar bem “tentado”, estou com um receio enorme de me arriscar nessa modalidade tão recente (e arriscada?) de compra on-line.
    Senti falta de que disponibilizassem de algum modo comentários / avaliações / recomendações sobre os vendedores, sob a ótica da experiência de compra já feitas pelos usuários/compradores.
    Penso que isso poderia nos encorajar, o que acha?
    Já experimentou fazer alguma aquisição ou conhece alguém que o tenha feito?
    Um abraço,
    Marcus Leal.

    • Luiz Cola

      Luiz Cola - 25 de novembro de 2017 às 12:56

      Olá Marcus,
      Para que você entenda bem e não tenha nenhum receio de comprar qualquer vinho, explicarei essa questão: os dois principais sócios da Comprowine disponibilizaram praticamente todos os vinhos de suas adegas para iniciar o projeto, “povoando” o site com coisas bem especiais e dando a direção deseja ao portal de compra e venda de vinhos entre pessoas físicas (ainda que lojas e importadoras possam participar também).
      Quanto ao risco, do ponto de vista financeiro, ele não existe. O portal só libera o dinheiro ao vendedor depois que o comprador dá o OK na operação. Essa é a principal função dele, depois de divulgar os vinhos, é claro!
      Eu já vendi duas garrafas que não me interessavam mais e adquiri várias para realizar algumas degustações recentes.
      Recomendo o site e o vendedor em questão sem nenhum receio.
      Abs,
      Luiz Cola

      • Marcus Lea - 26 de novembro de 2017 às 10:10

        Oi Luiz.
        Agradeço enormemente seu retorno, tanto nos disponibilizando mais informações e detalhes sobre o projeto, quanto compartilhando de sua experiência pessoal, como vendedor e comprador.
        Maravilha! Sinto que muitas experiências especiais de degustação poderão ser viabilizadas pela plataforma. Muito grato,
        Marcus Leal.

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO