Wine Calling (Le vin se lève), o filme manifesto sobre o vinho natural!

  • Luiz Cola
  • 19/out/2018
  • 0 Comentários

Depois de uma campanha de arrecadação de fundos para viabilizar o projeto, o cineasta Bruno Savard finalmente lançou nessa semana o documentário Wine Calling (Le vin se lève, no original francês), um filme manifesto dedicado ao vinho natural.

Segundo Savard, o mundo do vinho está numa década de plena efervescência, agitado por uma contra-cultura tão forte quanto a do rock 50 anos atrás. Ele exalta os jovens alegres e rebeldes que invadiram as vinhas da França e de outras partes da Europa para elaborar um estilo de vinho que amam: natural e livre de códigos e normas.

O documentário Wine Calling acompanha o trabalho dos viticultores Laurence Manya Krief (Domaine Yoyo), Jean-François Nicq (Les Foulards Rouges), Stéphane Morin (Domaine Léonine), Michaël et Céline Georget (Le Temps Retrouvé), Loïc Roure (Domaine du Possible), Sylvain Respaut et Olivier Cros (La Cave Apicole), todos eles baseados no sul da França, mais especificamente no Languedoc-Roussillon, defendendo uma visão hedonista da elaboração de vinhos, que retratem seu território e sejam produzidos de maneira orgânica e sem manipulações.

Conforme o documentário retrata, embora existam mais de 3.000 viticultores na França, menos de 3% deles trabalham utilizando métodos biológicos, biodinâmicos ou naturais para produzir seus vinhos. Por razões éticas, esta comunidade relativamente pequena de viticultores prefere focar-se nessas práticas agrícolas ecológicas, mais adequadas para encontrar a expressão natural do terroir, do caráter real e vivo de seus vinhos.

Wine Calling traz para a cena esses novos produtores, homens e mulheres que estão reinventando nossa relação com os vinhos. Uma utopia solidária, ética e festiva que emerge das colinas dos Pirineus.

Assista o trailer abaixo e tenha uma breve noção do que eles tem para dizer (e beber)…

Publicidade

0 COMENTÁRIOS

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO